segunda-feira, 17 de julho de 2017

Pe. Maurício Abel celebra 80 anos de vida e 55 anos de ordenação sacerdotal


O domingo (16) foi de gratidão. O nosso pároco, Pe. Maurício Abel completou 80 anos de vida e 55 anos de sacerdócio ao lado de quem sempre esteve com ele: amigos e fiéis. 




















A celebração eucarística realizada pela manhã no Centro Amarante, foi presidida pelo Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Salvador, Dom Marco Eugênio e contou com a presença dos sacerdotes amigos: o mais novo sacerdote e também aniversariante do dia, Pe. Gabriel Mota, Pe. Reginaldo Teixeira, Pe. Adilson Silva, Pe. Edwin Ortega (diocese de Camaçari), Pe. Miguel Ramon, Pe. Danilo Queiroz, Pe. Agostinho Manoel, Pe. Gildeon Bispo, Pe. Emanoel Vergne e Pe. João Abel, irmão do pároco. Diáconos, coroinhas e seminaristas também marcaram presença.




Na homilia, Dom Marco destacou o evangelho do dia, no qual Jesus fala de quatro terrenos onde muitas vezes procuramos nos colocar em um desses e esquecemos que todos nós somos a depender das circunstâncias essas quatro realidades. "A nossa única finalidade é preparar o terreno, deixá-lo pronto para que a Palavra germine em nós e nos leve a santidade", pontuou.





















E ressaltou a razão de todos estarem reunidos: "Quero falar neste momento do motivo que nos fez vir aqui hoje: celebrar os 15 anos de Pe. Maurício", brincou. Todos nós recebemos de Deus o dom da vida e nenhum de nós fez nada pra receber; Deus deu de maneira gratuita.  "O dom da vida que recebeu Pe. Maurício foi cristificado pela graça do batismo e foi levado por ele a plenitude do serviço à Igreja fazendo com que ele se tornasse padre", completou.




"Pe. Maurício Abel,deixaste sua terra para servir e  anunciar o evangelho. É por isso que hoje, nós nos reunimos em torno do Altar para agradecermos a Deus a dupla realidade: primeiro o dom da vida que Ele te deu, depois  o sentido cristão de vida, de serviço e doação que você devolveu a Ele. Que Deus seja louvado pelo dom da sua vida. Deus lhe pague por sua doação, fidelidade e serviço", concluiu.




















As pastorais, movimentos e comunidades da paróquia participaram da procissão das ofertas com balões vermelhos  em homenagem ao aniversariante.

AGRADECIMENTO



O aniversariante manifestou o seu júbilo em ver o local lotado por fiéis que sempre o acompanhou ao longo desses 48 anos de atuação no Brasil. Com o sentimento de gratidão, ele falou sobre a experiência de ter 80 anos. "A velhice é um caminho para Deus, para a vida eterna e isso é maravilhoso", expressou.


Pe. Agostinho Manoel há 37 anos atua em nossa paróquia auxiliando o pároco


Enalteceu um amigo de longa jornada ressaltando a importância de não andar sozinho: " Na velhice não é bom caminhar sozinho, por isso, gostaria de ter como companheiro o Pe. Agostinho que é um ano mais idoso que eu", brincou .



E terminou fazendo memória de algumas pessoas que foram importantes em sua caminhada como D. Avelar Brandão Vilela que muitas vezes visitou e valorizou esta paróquia, a contribuição da Congregação das Irmãs Negras de Stº Agostinho na obra de evangelização e aos irmãos de batismo, referindo-se aos paroquianos que ao longo desses anos sempre esteve ao seu lado



" Sou muito feliz nesta paróquia; se não fosse, não estaria há 48 anos como pároco", concluiu.

MOMENTO MARIANO







Sendo este o Ano Mariano, um dos momentos mais bonitos foi a consagração a Nossa Senhora. A imagem de Aparecida adentrou o local cobrindo toda a assembleia com seu manto.


GRATIDÃO DOS FIÉIS

Alguns fiéis entrevistados pela Pascom fizeram questão de deixar registrado o seu carinho ao aniversariante.



"Hoje é um dia muito importante porque celebramos os 80 anos de Pe. Maurício Abel. Que Deus derrame sobre o senhor, bênçãos sobre bênçãos. A Paróquia Ceia do Senhor te ama demais, parabéns!", Valdete Maria, paróquia Ceia do Senhor - Cabula VI



"Fiz parte desta paróquia desde os 06 anos de idade e durante 03 anos trabalhei com Pe. Maurício na secretaria paroquial onde aprendi muito como pessoa, como profissional  e como servir a Deus.   Pe. Maurício é um grande pastor que sempre abraça e incentiva todos a viverem  sua vocação e sempre dá oportunidade a quem quer evangelizar e servir na Igreja de coração. Eu só tenho a agradecer a Deus pelos seus 80 anos. Parabéns, Deus o abençoe ainda mais  e que Nossa Senhora te proteja", Lívia Rosas – Quase Paróquia do Espírito Santo ( T. Neves)


"A Comunidade Ascensão do Senhor deseja ao querido e amado Pe. Maurício um feliz aniversário e agradece por tudo o que ele tem feito  e continua fazendo por cada um de nós, pelas nossas comunidades" - Luiz Augusto Santos,  Comunidade Ascensão do Senhor (Engomadeira)


"A Comunidade Transfiguração do Senhor parabeniza e agradece por todo serviço que o senhor realizou em nossa comunidade e na paróquia. Que Nossa Senhora do Carmo te proteja; muito obrigada por tudo, Deus te abençoe!", Luciana Marocci - Comunidade Transfiguração do Senhor ( Arraial do Retiro)


"Uma pessoa maravilhosa como o senhor, merece um dia todo especial. Que Deus te abençoe  e continue derramando bênçãos e graças em sua vida. Que Nossa Senhora te cubra sempre com seu manto sagrado livrando de todos os males porque nós o amamos muito. Parabéns Pe. Maurício Abel!"Ana Paula, Capela Emaús (S. Gonçalo do Retiro)






































Um almoço de confraternização no local do evento encerrou esta grande Ação de Graças.

Confira o álbum completo desta grande festa na página de nossa paróquia no facebook: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.746901052146534.1073741991.521630818006893&type=1&l=9e273f3b69

Créditos: Pascom paroquial
Texto: Adjane Damasceno
Entrevistas: Rita de Cássia Branches
Fotos: Júnior Lima| Manoel Eloy


segunda-feira, 10 de julho de 2017

Paróquia realizou o 15º Encontro do Dízimo




No domingo (09) aconteceu o 15º Encontro paroquial do Dízimo e Partilha sob o tema: " Dízimo, sinal de co-responsabilidade com a evangelização". Realizado no Centro de Formação Amarante, o evento contou com a participação dos dizimistas das comunidades de nossa paróquia.
























Neste mês dedicado ao dízimo em nossa Arquidiocese, Isael de Jesus, coordenador paroquial da Pastoral do Dízimo, salientou a importância e o significado do dízimo. " As comunidades devem usar de criatividade para a conscientização do dízimo, do ser dizimista", ressaltou.



Dentre algumas sugestões, a Pastoral paroquial seguindo orientações da Arquidiocese, promoverá durante o período de 23 a 30 de julho, o Movimento de Conscientização do Dízimo na Paróquia. Este Movimento será realizado por setor onde as comunidades que fazem parte do mesmo, se juntarão para organizar e preparar uma noite de partilha com palestras, momentos de louvor e animação tendo como foco a conscientização dos fiéis em relação ao dízimo.




O nosso pároco Maurício Abel destacou a importância de ser um dizimista: " Assim como Jesus deu seu testemunho, somos convidados a dar nosso testemunho como fiel, seguidor de Cristo", pontuou.














E concluiu parabenizando as comunidades que usam de criatividade para aumentar o dízimo e disse  que a situação do dízimo da paróquia não está boa, por isso, a necessidade de ações criativas. 





















Uma Missa presidida pelo Pe. Agostinho Manoel, encerrou o encontro.


Créditos: Pascom paroquial
Texto/ Fotos: Rita de Cássia Branches